16.10.10

HA. Desisto (oficialmente)

De todos os caras ele foi a história mais bizarra. Eu tentava falar das coisas, do mundo, ele me olhava com um riso de canto de boca, quase indecifrável. Falava sem falar, que eu era uma boba. Eu me sentia ofendida pelo o som das palavras que eu não ouvia. Fechava a cara pra fazer charminho e ele nem aí.
Ele nem ligava, usei tudo que eu sei, todos os truques sujos mas nada funcionava, ele continuava ali impenetrável. No meio de todas essas batalhas minhas forças gritavam “desista”,  eu queria desistir, eu ia desistir, aí o telefone tocou, fiquei volúvel como areia voando no vento voltando pra praia.
Me prometi que ia ser diferente, já tinha elaborado os planos, estava pronta pra agir como se n me importasse. Tentaria causar qualquer impacto, mesmo que fosse mínimo. Mas chegando lá, pensei “que diferença isso faz”. Ele é a prova de balas, a prova de amor e a prova de qualquer coisa que eu venha a tentar. Então pq n ser só mais uma pra ele (se esse status eu já tenho)?! Problema nenhum. E já tenho tantas provas de que eu só sirvo pra encher lingüiça. E daí, não tem nada, não receber a atenção que eu quero , nem uma ligação, nem um cineminha... isso tudo é futilidade. Porque bonito é ter coragem de dar a cara a tapa, sofrer em troca de migalhas e  depois disso continuar com um sorriso de 10 centímetros para provar quão admirável e autruísta eu sou. Porque não, né ?
 E pq não recobrar o juízo e mandar ele pro inferno, que é de onde ele nunca deveria ter saído !?


#revolteivaipraputaqueopariunãoliguenuncamaispramim!




0 comentários:

 
blog template by suckmylolly.com