12.12.10

Estala, coração de vidro pintado !

“Se você fizer uma enquete entre as crianças, ouvirá também que o contrário do amor é o ódio. Elas estão erradas. Faça uma enquete entre adultos e descubra a resposta certa: o contrário do amor não é o ódio, é a indiferença.”
Tapas na cara doem bem menos do que a indecorosa indiferença proferida por algumas pessoas, pessoas por quem você alimenta um grande amor. Os indícios da indiferença são duros, são aquelas risadas que não são compartilhadas, são aquelas perguntas sem respostas, são aqueles olhos vagando a procura de qualquer coisa menos os seus. É como se você não fosse ninguém, quem ama quer o status de ser amado, logo se é amado, é alguém.
Quem ama também erra, erra porque é humano e por ser humano merece perdão. Ou melhor merece adaptação, ninguém precisa seguir um padrão para ser melhor ou pior, cada um é isso à sua maneira. A vida é tão curta para deixar que o abismo da indiferença ocupe todo espaço entre duas pessoas ainda mais quando mesmo subjetivamente existe um amor que luta pra não se sucumbir. É burrice. E o pior de tudo, um suplício.

4.12.10

Sobre meu nome

É engraçado ver você entonar a voz me chamando de Haná. Dou risada, mas ensaio ficar brava,afinal vc sabe, já tem barganha pra me chamar de lu,lua, luara, luarinha, meu nome preferido e suas variantes, normalmente usado só por aqueles que ocupam a categoria mais importante do meu coração, onde obviamente você se encontra. Mas depois vc frustra minha tentativa de brabeza quando faz aquele seu discurso de que nunca vai me chamar de lu pq quer ser o único a me amar e me chamar de Hanna. Vou abrir mão do meu nome preferido e em troca quero ser a cereja do seu bolo

3.12.10

HA. Não tem graça!

E os dias rubros chegam pra todo mundo. Um dia você verá sentirá falta de um machado em seu armário. Um belo dia onde na sua cabeça explodem imagens de cabeças sendo arrancada e narizes sendo quebrados. Psiuuu, você ai, fique calado, nem ache absurdo, a cada palavra sua me sobe uma vontade irresistível de te fazer engolir uns três dentes. Arranhões e empurrões ( sem querer, ops i did it again) são meu paliativo. Pessoas com seu juízo em dia saiam da frente, não me olhem, não me toquem, não tentem falar, ligar ou mandar msg, não respirem . Respeitem uma mulher na TPM.

Não Somos Iguais

Sonhar nunca foi algo difícil. Ao meu ver o sonho é expressão mais simples da junção das vontades do coração e da alma. Eu já Sonhei de todas as maneiras, com todas as pessoas. Confesso que por várias vezes repetia os sonhos clichês mudando apenas os personagens e não, eu não me orgulho disso. Por isso não tenho crédito nos bancos de sonhos por ai, também houveram aqueles sonhos inacabados soltos pelo caminho, enfim, só restou minha tão contraditória palavra que pede inclinadamente um voto de confiança.
É fato, agora posso ver tudo claramente quando fecho os olhos, mudei minha forma de sonhar, não é mais pura fantasia nem tão pouco um querer pulsante imediato e passageiro. É minha vida, é como eu quero passar o resto dela, talvez eu possa denominar não de sonho, mas de realidade. Minha realidade futura a qual eu vou dedicar todos os esforços possíveis pra ver chegando mais rápido. Então, desfaz o bico, me dá a mão e pega aquele tijolinho ali que esse é só o começo dos 'sonhos' que eu vou sonhar só com você.

1.12.10

:'(

'Tenho um coração com
Buraquinhos
E não posso me curar
Se está morrendo
Aos pouquinhos
Com cada dor
Se morre mais'







A crise de quarta se antecipou:
Decepção,
Insônia,
Olhos molhados,
coração apertado,
E agora, quem poderá me defender ?

 
blog template by suckmylolly.com