26.9.10

"Estou tão angustiado e a vida passa tão rápido. Não é a rapidez, propriamente, que me angustia. São os espaços vazios que me torturam. Os tempos que se vão sem significado, sem lembrança que se valha, sem a potencial plenitude dessa vida. Vão-se cada vez mais rápidos e os vazios se propagam como peste na minha vontade de ser. Chegue e aconchegue-se em meu tempo, alinhe ao seu, faça dos dois um só. Preciso de você pra preenchê-lo. Com sua voz, com seu corpo, seu gosto... Preencha cada espaço, não deixe o mínimo vão. O vazio me dói, e me dói como dor covarde, que não se encontra, não se explica e me toma todas as razões..."

http://www.eumesmoquefiz.com.br/2009/11/romantico-ninfomaniaco-procura.html



É, agora eu entendo essa música, não acho mais tão feia assim.
Estou em crise criativa,
por favor mandem sugestões sobre assuntos
quero sair dessa areia movediça
eu tô um saco. Um saco.

0 comentários:

 
blog template by suckmylolly.com