3.1.11

meio bossa nova

Quero aquelas tardes que tanto sonhei, regadas a vinho e risadas. Quero achar a minha amiga sutileza, que ficou perdida por aí em algum beco. Quero a vontade pura e indomesticada que nunca seca, quando mais se dá, mais se quer. E enquanto eu fechar os olhos, sentir  a serenidade da musica lenta, a brisa do dia, a agitação dos lençóis. O cenário colorido monocromático do pôr do sol esquentando as conversas na rede sobre aquelas verdades que por serem tão verdades não são ditas, escorregam da boca e saem voando pelo ar, demorando apenas alguns segundos pra se concretizar. E mais tarde aqueles devaneios nonsenses que vem quando admiramos as nuvens ou a lua e pra completar brincar de adivinhar com o olhar...ai ai

1 comentários:

Fabrício F.B disse...

lindo post hanna! lindo msm

 
blog template by suckmylolly.com