23.2.11

Lua de Mel

Mesmo com nem tudo dando certo eu me sinto feliz. Tenho em minha mão umas das melhores coisas que eu já usufruir, a minha consciência tranqüila. Dias vão, dias vem e eu decidi, não dou mais ousadia. Nem vem, eu sou só minha agora. Eu e minhas vontades dividimos a mesma cama e fizemos um acordo, sofrimento só na próxima encarnação e olhe lá ! Não tem mais essa que podia ser diferente se não foi, nunca poderia ser e aí paciência. Não nego que tenha algumas despesas por sustentar meus caprichos, mas vale a pena. Vale a pena enxergar melhor o amarelo que vem da janela ao acordar, puxar todo ar que cabe em meu pulmão e falar: ufa! Sentindo que só o que pode me puxar pra baixo sou eu mesma e adivinha, hoje eu não tô afim de ficar mal e também não tem essa de ingratidão, cobranças? Quanto mais, melhor auto cobrança trás de volta aquela responsabilidade que eu deixei sozinha na padaria jurando que passava por lá depois. É uma beleza, talvez um dia não seja, mas hoje é, essa lua de mel tem me deixado extasiada, quero mais, mais e mais. Assim vou seguindo, não estranhe se me ver andando por ai de mãos dadas comigo mesma. Um beijo pra minha mãe, pro meu pai e especialmente pra mim.

2 comentários:

Lua Clara disse...

Caramba, tu consegue escrever sobre tu!

/hannaluara disse...

Coisas que uma pessoa modesta consegue fazer, modestia a parte.
kkkkkkkkkkkkkkk

 
blog template by suckmylolly.com